Desde o mês de janeiro de 2017, funcionários e colaboradores da CS Sucatas foram integrados ao que existe de mais moderno no Brasil no que diz respeito a softwares de gestão para o setor de resíduos. Eles passaram a contar com o sistema Sagi, principal ferramenta existente no País para a operação com materiais recicláveis.

 

Um dos funcionários da empresa, o gerente geral Maicon Ramos, avalia que comparado ao sistema anterior o Sagi oferece mais detalhes sobre entrada de material. “Esse diferencial foi muito importante para o depósito”, avalia o gerente da empresa que possui sede na capital paulista. Segundo Maicon, outro diferencial do sistema Sagi são as telas de visualização. O sistema permite uma interface mais amigável com o usuário. Desta forma, o acesso a relatórios para a geração de balanços ficou muito mais rápido e prático.

 

A CS Sucatas é uma empresa com mais de 30 anos de existência e é especializada no comércio de sucatas ferrosas. Instalada em uma área de mais de 22 mil metros², a empresa possui equipamentos como manipuladores hidráulicos, prensa tesoura, pá carregadeira, enfardadeiras, entre outros.  A empresa também possui um tilter que é o responsável por manipular os containers carregados de sucatas que serão exportados.

Estes equipamentos, além daqueles usados para a coleta (caminhões, caçambas, etc) geram diariamente centenas de dados operacionais. Todos estes dados, além daqueles gerados na área financeira, fiscal, comercial e recursos humanos são controlados hoje pelo sistema Sagi. Pelo aplicativo do celular, o gerente possui acesso a qualquer informação gerada nestas áreas.

 

 

Sérgio Vieira 

jornalista 

Deixe seu comentário!
*Preenchimento obrigatório (seu email não será divulgado).
8 Comentário(s)!